Preocupado com a sua bicicleta ou motocicleta sendo roubada? Neste rápido guia de instruções, forneceremos as informações necessárias para garantir que isso não aconteça.

Bicicletas abandonadas e motocicletas são muitas vezes os alvos de ladrões, por isso é crucial para sempre protegê-los adequadamente para que sua nova bicicleta não seja roubada. Não é o suficiente para comprar um bloqueio de alta qualidade – você tem que saber como usar corretamente esse bloqueio. Na verdade, na maioria das vezes, uma bicicleta roubada é o resultado de uma fechadura usada indevidamente, não uma ineficaz.

Como travar bicicleta ou moto?

Este guia focará em trancar sua bicicleta ou motocicleta usando uma trava em U, um método clássico e eficaz. As travas em U são fáceis de encontrar, fáceis de usar e, o mais importante, manterão sua bicicleta segura se você souber usá-las da maneira correta.

Existem várias maneiras diferentes de usar travas em U: trancar sua bicicleta com duas fechaduras em U, usar uma trava em U com corrente, usar uma trava em U com um cabo, usar uma trava em U com a roda dianteira removida e usando o método Sheldon. Neste guia, orientaremos você pelos métodos que consideramos mais eficazes para motocicletas e bicicletas.

Lembre-se: certifique-se de ler as etapas do seu veículo específico, seja uma bicicleta ou uma motocicleta. Existem instruções exclusivas para cada um!

Trava de bicicleta: como usar?

Seguir as etapas abaixo garantirá uma maior segurança para sua bicicleta.

Etapa 1. Identificando um local

Existem vários fatores a serem considerados quando encontrar um local para trancar sua bicicleta. Uma área coberta por câmeras é melhor, pois isso impede muitos ladrões. No entanto, na ausência disso, é bom encontrar um lugar movimentado para deixar a sua bicicleta, para que haja uma melhor chance de alguém perceber se é feita uma tentativa de roubá-la. É uma boa ideia trancar sua bicicleta onde já existem vários outros grupos, preferencialmente no meio do grupo, pois é mais difícil para um ladrão manobrar e usar ferramentas no meio de um grupo de bicicletas amontoadas.

Etapa 2. Escolhendo um objeto imóvel

O objeto que você escolhe para bloquear sua bicicleta é tão importante quanto o bloqueio que você usa. Mesmo que um ladrão seja incapaz de quebrar seu cadeado, se ele conseguir serrar através do objeto em que a bicicleta está travada, não há sentido em ter uma trava. Postes de madeira e cercas de elos de corrente são escolhas erradas de objetos imóveis, pois são relativamente fáceis de cortar com as ferramentas adequadas. Idealmente, você deve encontrar um rack de bicicleta de metal, feito para o propósito expresso de trancar bicicletas. Estas são cimentadas no chão e muito difíceis de serem removidas.

Etapa 3. Selecionando a parte da bicicleta a ser bloqueada

Um dos erros mais frequentes cometidos quando se trava uma bicicleta é prender sua trava a uma roda. É fácil para um ladrão soltar a roda e roubar o resto da bicicleta, então, para prender a sua bicicleta adequadamente, você deve prender a trava principal na estrutura da sua bicicleta. Idealmente, você iria querer apertar o U-lock em torno de uma roda, bem como o quadro. Você também pode querer usar várias travas para que as rodas da sua bicicleta não sejam roubadas. Vamos discutir isso mais na Etapa 5 do guia.

Etapa 4. Posicionando a trava

Ao se preparar para trancar sua bicicleta, você também deve ter em mente o posicionamento da fechadura. É importante inclinar o mecanismo de travamento para o interior, onde ele não é visível para um ladrão em potencial. Isso dificulta o uso de ferramentas para abrir o mecanismo de travamento e roubar a bicicleta. Além disso, você deve sempre manter sua trava longe do chão, pois uma técnica comum para quebrar bloqueios é usar um martelo para quebrá-lo contra o concreto. Se a trava estiver posicionada longe do chão, esta técnica não pode ser usada. Também é mais difícil usar o piso como alavanca ao usar certas ferramentas para abrir a fechadura, como um cortador de parafusos.

Travando roda da moto

A trava de disco para moto é um tipo de trava muito insegura e que pode gerar insegurança. (Foto: Kryptonite Locks)

Passo 5. Travando sua bicicleta

Sempre que você usar uma trava em U, é essencial preencher o máximo possível da fechadura com o quadro da bicicleta e o objeto imóvel. Isso torna mais difícil para um ladrão usar ferramentas para abrir a fechadura. Correntes e cabos podem ser usados ​​em conjunto com as fechaduras em U. Os métodos a seguir são maneiras diferentes de proteger sua bicicleta e evitar que ela seja roubada.

Duas travas em U

Ao usar duas travas em U, a primeira fechadura deve ser bem presa ao redor do quadro da bicicleta, da roda traseira e do objeto imóvel. A segunda trava deve ser presa ao redor da roda dianteira, da estrutura da bicicleta e do objeto imóvel (geralmente um bicicletário). As fechaduras em U são leves e fáceis de transportar.

Trava em U e corrente

Ao usar uma corrente com uma trava em U, a trava em U deve ser presa ao redor da roda traseira, da estrutura da bicicleta e do suporte de bicicletas. A corrente também deve ser presa ao redor do chassi e do suporte, bem como, preferencialmente, ao redor da roda dianteira. A corrente é uma boa opção para segurança ideal, pois é mais pesada e mais difícil de quebrar do que uma trava em U.

Trava em U com a Roda Removida

Com este método, as rodas de liberação rápida são necessárias para que a roda dianteira possa ser removida facilmente. A roda dianteira deve ser removida e fixada à roda traseira usando o bloqueio em U. A fechadura também deve ser enrolada em volta do suporte de bicicletas e da estrutura.

Método Sheldon

Esta técnica, projetada pelo especialista em bicicletas Sheldon Brown, envolve o uso de uma única trava em U. A trava é presa ao triângulo traseiro da estrutura, a roda traseira e o objeto imóvel. É uma boa opção por conveniência, especialmente porque uma trava em U mais leve pode ser usada, mas não segura a bicicleta, assim como as outras técnicas.

Trava para moto: como travar corretamente?

Travar sua moto corretamente pode te ajudar a evitar potenciais ladrões.

Etapa 1. Reduzindo a Visibilidade

Um bom primeiro passo é reduzir a visibilidade da sua moto, tornando menos tentador roubar para os oportunistas. Um método-chave para diminuir a tentação é manter sua bicicleta sempre coberta quando não estiver andando nela. Você pode até querer considerar colocar a capa da motocicleta de uma marca mais barata do que a sua moto para deter mais possíveis ladrões.

Etapa 2. Identificando um local

Você não deve trancar sua moto no mesmo local todos os dias, a menos que esse local seja uma garagem segura. Mudar o local de estacionamento regularmente faz com que seus movimentos sejam difíceis de prever, um fator defensivo importante se a vigilância estiver envolvida em uma tentativa de roubo. É uma boa ideia trancar sua moto em uma área movimentada com várias outras bicicletas. Isso é benéfico por vários motivos. É mais provável que alguém localize e denuncie uma tentativa de roubar sua motocicleta, é mais difícil acessar no centro de um grupo, e um possível ladrão pode optar por mirar uma bicicleta menos protegida na mesma área em vez de sua motocicleta.

Etapa 3. Selecionando um objeto imóvel

Este é um dos passos mais importantes e é ainda mais crucial para os proprietários de motocicletas do que para os proprietários de bicicletas. Ladrões de motocicleta geralmente são melhor equipados com ferramentas que podem facilmente cortar materiais como postes de madeira e cercas com elos da corrente. Embora esses objetos pareçam estáveis, na realidade, travar sua motocicleta para qualquer um deles está abrindo-a ao roubo. Possíveis objetos incluem um poste de aço ou concreto que é cimentado no solo.

Passo 4. Escolhendo onde colocar a trava na moto

Como os motociclos são muito mais volumosos do que as bicicletas, não é possível apertar um fecho em U tanto no quadro como no volante. Por esse motivo, é altamente recomendável proteger sua trava em qualquer parte do quadro. É mais fácil cortar uma trava de uma roda ou remover a roda e o aço da bicicleta, por isso é crucial travar a estrutura central da sua motocicleta no objeto imóvel que você identificou na etapa anterior.

Etapa 5. Posicionando a trava

Sua primeira prioridade ao posicionar sua trava em U deve ser mantê-la fora do chão. A técnica mais comum para romper bloqueios de motocicleta é usando cortadores de parafusos porque é rápido e silencioso. É muito mais difícil usar os cortadores de parafuso para quebrar uma trava se a trava em U estiver posicionada bem acima do solo. Esse posicionamento elimina a alavancagem e não dá ao ladrão uma superfície para pressionar a trava. Se você estiver usando uma corrente com a sua trava em U, certifique-se de que não haja muita folga no solo, pois isso é suscetível a ataques com um martelo. Outro fator a ser considerado é o posicionamento do mecanismo de travamento, onde ele não é visível, mas isso não é uma grande prioridade, pois o roubo de motocicletas raramente envolve a coleta de travas.

Etapa 6: Travando sua moto

O elemento chave para travar sua motocicleta é a trava em U. No entanto, a trava em U também pode ser usado com uma corrente ou disco, ou duas travas em U podem ser utilizadas. Existem prós e contras de cada método, e explicaremos as diferenças entre eles nos seguintes pontos.

Uma trava em U

A técnica mais simples e conveniente é usar um único trava em U. A trava o pode prender qualquer parte central do quadro da motocicleta ao objeto imóvel. O bloqueio em U deve ser protegido em um local onde o máximo possível do interior seja preenchido. É conveniente e fácil de transportar; no entanto, não protege a moto, assim como as outras técnicas.

Duas travas em U

Ao usar duas travas em U, a primeira trava deve fixar a armação da motocicleta ao objeto imóvel, conforme descrito no método de trava em U. A segunda trava é para garantir que a roda não seja roubada, por isso é fixada em torno de uma das duas rodas, geralmente a roda da frente, quando a primeira fechadura em U é posicionada mais próxima da roda traseira.

Trava em U e Corrente

Ao usar uma corrente e uma trava em U, a trava em U deve ser presa da mesma maneira que o método de trava em U. A corrente deve ser presa à roda dianteira e a folga deve ser mantida o menor possível. Esta é uma boa opção para a segurança ideal, pois a corrente é mais pesada e mais difícil de quebrar do que uma trava em U.

Trava em U e Disco

Novamente, com essa técnica, a trava é protegida da mesma maneira que no método com a trava em U. O disco é preso ao centro de uma roda para capturar o rotor e geralmente é equipado com um alarme. A trava em U evita o roubo do elevador, enquanto a trava do disco evita o roubo, portanto todas as suas bases estão cobertas.

Qual método ou trava você usa para sua moto ou bicicleta? Como faz para garantir a segurança do seu meio de transporte?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)